Início
NOTÍCIAS
15/03/2018
Vítima da “Doença do Pombo” cobra atuação para prevenção de doenças causadas pela ave
Assessoria/Gabinete Orivaldo da Farmácia
Luciano Marcelo de Campos
A Tribuna Livre da Câmara Municipal de Cuiabá destacou os riscos do contágio de doenças através das fezes de pombos com a participação do professor de Educação Física e deficiente visual, Luciano Marcelo de Campos. Entre os debates levantados estão o combate à proliferação das aves e os malefícios à saúde da população. A tribuna foi solicitada pelo vereador Orivaldo da Farmácia (PRP).

O professor Luciano Marcelo de Campos é formado em Educação Física é deficiente visual há dez anos, após ser acometido por uma doença causada pelas fezes dos bombos. Como atuava nas quadras esportivas das escolas onde há grande quantidade destas aves, o professor entrou em contado com o pó das fezes dos pombos e correu risco de morte, chegando a perder os movimentos do corpo e teve como sequela a cegueira total.

A criptococose é uma das principais doenças transmitidas pelos pombos urbanos e é causada por um fungo que vive e se desenvolve nas fezes. Quando esse fungo é respirado, primeiro infeta os pulmões, mas depois pode se espalhar pelo organismo e até causar um tipo grave de meningite.

“Hoje, posso dizer que tenho uma vida normal, mas tive sequelas da doença causada pelas fezes de pombos. Em todas as escolas onde atuava tinham estas aves que diariamente estão deixando todos expostos. Estou aqui para solicitar atuação do poder público para a prevenção dos males que podem chegar à morte. No meu caso, foi a cegueira, mas muitos não resistem. Os agentes públicos precisam apresentar alternativas para que não hajam mais vítimas”, afirma o professor Luciano.

De acordo com o vereador Orivaldo da Farmácia, a participação do professor vítima da doença do pombo é fundamental para alertar as autoridades a tomarem atitudes que proteja a saúde das pessoas. “Conheci o Luciano na Associação Matogrossense dos Cegos e tive conhecimento do motivo da sua cegueira. Acho que devemos atuar sobre esta questão, pois em todas as visitas que realizo às escolas, creches, postos de saúde e demais espaços público, constatamos a presença dos pombos. Todos estão expostos à esta situação e temos que buscar soluções”, diz o parlamentar.

Associação dos Cegos

Atualmente, o professor Luciano Marcelo de Souza é secretário de Esportes da Associação Matogrossense dos Cegos. A entidade atende mais de 500 pessoas com deficiência visual entre crianças e adultos onde oferece cursos, incentiva à prática esportiva, acompanhamento psicológico, realiza a promoção da integração na sociedade, entre outros. A Associação está localizada no bairro do Porto, na Rua Mario Corrêa, número 422. 

Marcela Brito
Assessoria de Imprensa/Vereador Orivaldo da Farmácia


Imprimir Voltar Compartilhar:  




+ Notícias
13/12 - Catracas biométricas geram mais segurança ao legislativo da capital
13/12 - Saad tem três projetos de sua autoria aprovados pela Câmara Municipal
13/12 - Projeto cria cadastro para impedir ligações indesejadas de telemarketing
13/12 - Após indicações da Câmara, Escola Municipal do Parque Atalaia é completamente reformada e ampliada
13/12 - Vereador Dr. Xavier diz que "2020 é um ano de autêntica reviravolta política"
12/12 - Professor Mário Nadaf forte candidato ao Senado
12/12 - Saad tem três projetos de sua autoria aprovados pela Câmara Municipal
12/12 - Projeto cria cadastro para impedir ligações indesejadas de telemarketing
12/12 - Projeto cria Dia Municipal das Doenças Inflamatórias Intestinais Crônicas
12/12 - Após indicações da Câmara, Escola Municipal do Parque Atalaia é completamente reformada e ampliada
12/12 - Lunáticos do Asfalto recebem Moção de Aplauso do vereador Adevair Cabral
12/12 - Câmara realiza ação voltada para o Dia Nacional de Mobilização dos Homens pelo Fim da Violência contra as Mulheres
SESSÃO AO VIVO
INFORMES
Praça Moreira Cabral - Centro - s/n - Cuiabá-MT - CEP 78020-010 - Fone: (65) 3617-1500
Desenvolvimento: Secretaria de Comunicação - Todos os direitos reservados © 2018
O horário de atendimento ao público é de segunda a sexta-feira das 7:00hs às 18:00hs.