Início
NOTÍCIAS
01/07/2008
Câmara discute saúde pública e construção de hospital universitário em Cuiabá
Secom CâmaraCbá/Fablício Rodrigues
Vereadores discutem saude pública
O vereador republicano Francisco Vuolo trouxe a discussão sobre a construção do Hospital Universitário Federal na capital mato-grossense para a Câmara Municipal de Cuiabá na sessão ordinária desta terça-feira, 1º de julho.

Vuolo falou sobre a sua participação em audiência pública requerida pelo deputado Guilherme Maluf e realizada na Assembléia Legislativa de Mato Grosso que debateu a construção do hospital que deverá ser gerido pela Universidade Federal de Mato Grosso e vai ocupar parte do Parque Zé Bolo Flô. Conforme, Vuolo o Hospital Universitário que terá 250 leitos irá desafogar o Pronto Socorro Municipal de Cuiabá.

Segundo Vuolo a obra que tem apoio do governo Federal e Estadual vai custar aos cofres públicos R$ 80 milhões e poderá ser iniciada com os R$ 10 milhões de emenda destinada pela bancada federal. “Essa obra tirará Cuiabá dessa situação crítica em que se encontra na área da saúde e fazer o município ser referência no atendimento no Centro-Oeste e em todo o país”, afirmou.

Além de Vuolo, Clovito (PTB), Lutero Ponce (PMDB) e Domingos Sávio (PMDB) também manifestaram insatisfação com a saúde pública municipal.

De acordo com Clovito, a situação é tão precária que falta material básico no Pronto Socorro para os médicos e enfermeiros trabalharem como luvas. Clovito contou que presenciou a história de uma senhora que chegou à unidade hospitalar com quadro de derrame, e em conseqüência da demora para ser atendida, mais de três horas, teve várias paradas cardíacas. Além de sua ficha com o pedido do médico ter sumido. “Não é culpa dos médicos e nem dos enfermeiros. Não estou falando mal do prefeito Wilson Santos, mas da gestão de Luiz Soares (secretário de saúde do município)”, garantiu.

Lutero levantou a questão da constante substituição de funcionários na unidade de saúde. “Ele (Luiz Soares) tira profissionais competentes do cargo e coloca pessoas que não tem coração para lidar com os pacientes”, afirmou.

Clovito afirmou que o fato se dá por interesses pessoais de colocar gente indicada por determinados partidos políticos. “Isto que Lutero falou está acontecendo. Perseguição”, afirmou.

Segundo Domingos, a maioria dos candidatos se preocupa em apresentar aos eleitores um bom plano que governo, mas a maioria não cumpre grande parte dele. “Não se iludam com os falsos planos de governo, papel aceita tudo, mas grande parte das obras não sai do papel”, alertou o peemedebista.

Ainda no grande expediente, o vereador Luiz Poção (PP) apresentou Projeto de Lei que institui a semana de combate à pedofilia em Cuiabá na segunda semana do mês de outubro, período em que se comemora o Dia das Crianças. O projeto que prevê a adesão de organizações governamentais e não governamentais visa estimular a realização de palestras e afixação de cartazes em escolas. “Se o projeto for aprovado, todo ano teremos ações de combate à pedofilia na Capital mato-grossense. Os nossos jovens correm riscos reais e iminentes de serem assediados na internet”, justificou.

A vereadora Enelinda Scala (PT) usou o grande expediente para falar sobre as brigas internas do seu partido e lamentar que o arquiteto José Afonso Portocarrero não tenha sido escolhido como candidato do Partido dos Trabalhadores para disputar a prefeitura de Cuiabá nessas eleições. Enelinda também saudou Portocarrero pelo ser desempenho e participação nos debates e prévias do partido. “Portocarrero você engrandeceu o PT, muito obrigada pela sua determinação”, afirmou.

Edivá Alves (PSDB) externou pesar pelo falecimento do professor Carlos Reiners. “Carlos Reiners era uma pessoa bastante politizada, convicta dos seus ideais”, disse o vereador.

Assessoria: Secom CâmaraCba/Glaucia Colognesi



Imprimir Voltar Compartilhar:  




+ Notícias
13/12 - Catracas biométricas geram mais segurança ao legislativo da capital
13/12 - Saad tem três projetos de sua autoria aprovados pela Câmara Municipal
13/12 - Projeto cria cadastro para impedir ligações indesejadas de telemarketing
13/12 - Após indicações da Câmara, Escola Municipal do Parque Atalaia é completamente reformada e ampliada
13/12 - Vereador Dr. Xavier diz que "2020 é um ano de autêntica reviravolta política"
12/12 - Professor Mário Nadaf forte candidato ao Senado
12/12 - Saad tem três projetos de sua autoria aprovados pela Câmara Municipal
12/12 - Projeto cria cadastro para impedir ligações indesejadas de telemarketing
12/12 - Projeto cria Dia Municipal das Doenças Inflamatórias Intestinais Crônicas
12/12 - Após indicações da Câmara, Escola Municipal do Parque Atalaia é completamente reformada e ampliada
12/12 - Lunáticos do Asfalto recebem Moção de Aplauso do vereador Adevair Cabral
12/12 - Câmara realiza ação voltada para o Dia Nacional de Mobilização dos Homens pelo Fim da Violência contra as Mulheres
SESSÃO AO VIVO
INFORMES
Praça Moreira Cabral - Centro - s/n - Cuiabá-MT - CEP 78020-010 - Fone: (65) 3617-1500
Desenvolvimento: Secretaria de Comunicação - Todos os direitos reservados © 2018
O horário de atendimento ao público é de segunda a sexta-feira das 7:00hs às 18:00hs.