Início
NOTÍCIAS
29/06/2009
Vereadores cobram inclusão de ações da Copa de 2014 em LDO
A inclusão de ações visando a Copa do Mundo de 2014 em Cuiabá na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para 2010 foi cobrada pelos vereadores durante audiência pública realizada nesta segunda (29), a pedido do vereador Ivan Evangelista (PPS). A LDO deve ser aprovada pela Câmara Municipal até o próximo dia 5. "Cuiabá não pode ficar de fora desse processo da Copa. Ainda dá tempo de incluirmos a Copa na LDO", destacou Ivan. O vereador Lúdio Cabral (PT) sugeriu a criação de um fundo específico para o Mundial, a exemplo do fundo estadual já existente, porém, para gerir os recursos municipais.

O petista adiantou que na sessão desta terça (30) vai apresentar duas indicações nas quais solicitará ao prefeito Wilson Santos (PSDB) que elabore dois projetos e encaminhe à Câmara antes que a LDO seja votada. Um deles para a instituição do fundo e outro para o contemplar. O vice-prefeito e secretário de Planejamento, Orçamento e Gestão do município, Chico Galindo, reconheceu a ausência de metas referentes à Copa, mas salientou que o projeto em prol dos jogos já está sendo elaborado. Sugeriu a promoção de uma audiência pública para tratar especificamente da Copa de 2014. "Estamos trabalhando muito pela Copa. Até julho de 2014 devem ser concluídas todas as obras". Citou, entre os "feitos", a implantação da secretaria Extraordinária de Apoio à Copa.

Além da Copa do Mundo, foram feitas outras cobranças, como, por exemplo, quanto à falta de transparência na arrecadação do IPTU e a aplicação desses recursos nos bairros. Foi sugerido que a prefeitura propague mais os benefícios que a sociedade receberá caso não deixe de pagar o IPTU e, assim, a população se sinta motivada a pagar o imposto. O secretário de Finanças da Capital, Guilherme Muller, disse que hoje a inadimplência do pagamento do IPTU é de mais de 50%. "Em Campo Grande, o indíce de inadimplência é de apenas 8%. Muitas vezes os serviços não são prestados porque a prefeitura não arrecada", justifica. Lúdio também destacou a ausência na LDO de indicadores de resultados e de metas consistentes para identificar as ações a serem realizadas são alguns dos pontos que comprometem a projeção para as políticas públicas do município em 2010.

Pollyana Araújo



Imprimir Voltar Compartilhar:  




+ Notícias
03/07 - Câmara Municipal de Cuiabá aprova com emendas alteração de leis complementares da ARSEC
03/07 - NOTA DE PESAR / PASTOR RUBENS SIRO DE SOUZA
03/07 - Misael Galvão apresenta lei que impõe medidas sanitárias de segurança em transportes coletivos durante pandemia
03/07 - Nota de Pesar | Venâncio Anastácio Pinto
02/07 - Agora é Lei! Empresas responsáveis por obras e serviços públicos em Cuiabá não podem exigir fotografias em currículos
02/07 - Presidente Misael Galvão promulga lei de empréstimo consignado dos servidores públicos durante a Pandemia
02/07 - Reforma da Previdência será votada em sessão extraordinária na terça, dia 07
02/07 - Câmara derruba veto e garante RGA a servidores do Legislativo Cuiabano
02/07 - A sombra mortal da covid-19 paira hoje sobre Cuiabá", alerta vereador Dr. Xavier
02/07 - Adevair Cabral consegue a retomada das obras do PSF- CPA IV
02/07 - Aluízio Leite toma posse como vereador da Capital
01/07 - Doação de Sangue| Paulo dos Santos Rosa
SESSÃO AO VIVO
INFORMES
Praça Moreira Cabral - Centro - s/n - Cuiabá-MT - CEP 78020-010 - Fone: (65) 3617-1500
Desenvolvimento: Secretaria de Comunicação - Todos os direitos reservados © 2018
O horário de atendimento ao público é de segunda a sexta-feira das 7:00hs às 18:00hs.